Empreendimento: Hotel Panorâmico!

Dentro da proposta de melhorias a serem implementadas por meio das ações do Projeto Songa 2020, encontra-se a construção de um Hotel Panorâmico sobre o dorso do Serrote de São Gonçalo. Seria um empreendimento inédito em todo o Sertão, capaz de gerar valor econômico, turístico e social. Visitantes teriam acesso a um local para descanso, lazer e entretenimento, contemplando uma vista de 360 graus das várzeas de Sousa e adjacências. O Hotel geraria empregos diretos e indiretos, e suas atividades contribuiriam substancialmente para o desenvolvimento da região, uma vez que se tornaria polo de atração para visitantes de diversas partes do Sertão, da Paraíba e até de outros estados, trazendo consigo divisas para impulsionar a economia local.

Abaixo, imagens da provável localização do Hotel Panorâmico:

As montagens a seguir demonstram, de forma ilustrativa, uma perspectiva de como seria o aspecto de um Hotel Panorâmico sobre o Serrote de São Gonçalo:

No empreendimento haveria espaço para amplo estacionamento, piscina, área de lazer, restaurante com cozinha regional etc. A captação de água seria feita por bombeamento do Açude de São Gonçalo e por meio de cisternas que acumulariam águas pluviais. As benfeitorias seriam realizadas em paralelo à construção de uma via pavimentada (asfaltada). Esta teria o nome de “Rodovia Serrana” e rasgaria todo o trajeto da crista do Serrote de São Gonçalo, ao lado da Grande Trilha Ecoturística, fazendo a ligação até a Estátua do Cristo Rei, aos mirantes e, mais a leste, no final da serra, facilitaria a circulação e o transporte de pessoas, veículos e mercadorias entre Sousa, São José da Lagoa Tapada e outras cidades, encurtando distâncias e expandido possibilidades.